quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Sutura II

Abertas na noite
as inesquecíveis, irrecusáveis feridas
irrompem de suas frágeis suturas
um sangue muito limpo
ensopando camisa.
Quando tem sol coagula.
Mas não cicatriza.

Um comentário:

Naty disse...

Muito belo.
Vc sabe colocar-nos pra pensar com coisas que jamais pensaríamos.
"O sol coagula, mas não cicatriza o sangue, as feridas".
Não poderia ter sido melhor.

E o que seriam essas feridas? Ou melhor... qual seriam os motivos delas?

Parabéns novamente.