terça-feira, 28 de setembro de 2010

Indução

puxar o amor a fórceps
escutar o grito
jogar no lixo,
sem culpa e sem batismo.
monstros nascem todos os dias.

2 comentários:

Anna K. Lacerda disse...

INdução INcrível!

Os monstros dormem nos braços de Afrodite!

Beijos.

beto,,, disse...

gostei absurdamente